Visto Canadense - Como solicitar


Sim, para visitar o lado mais ao norte das Américas você vai precisar de visto. Nossos amigos canadenses não abrem mão dele, mas veja pelo lado bom: você pode dar entrada em todo processo pelo correio (ufa! Já basta o visto americano que rola toda aquela parafernalha de preencher coisa na internet, mandar não sei pra onde, agendar, ir pra São Paulo...).

Então, vamos ao processo. E vai por mim: presta atenção e aprenda com os meus erros!

Como funciona?


Você solicita por meio de alguma empresa que trabalhe com isso. Existe mais de um tipo de visto, mas para turistas são dois: para apensas uma entrada e outro para múltiplas entradas. Eles também chamam este visto de "residente temporário".

Onde pedir?


Teoricamente é possível pedir direto no consulado canadense daqui do Brasil, mas sinceramente eu não recomendo. O processo parece ficar mais organizado e até mais rápido se você usar os representantes.

O Brasil tem agora uma empresa que auxilia nos pedidos de visto canadense no mundo todo. Chama-se CVAC - Canada Visa Application Centre. Se você quiser sinceridade, aqui vai: a maioria das agências que oferece serviço de solicitação de visto usa esta empresa para processar o pedido. Logo, melhor ir direto na fonte, né?! O site deles: http://csc-cvac.com/pt-BR/selfservice/cvac_welcome

Quanto custa?

Veja, essas coisas mudam de tempo em tempo né? Mas hoje, dezembro de 2011, o preço para uma entrada é R$125 e para múltiplas entradas R$250.
O CVAC (ou VAC) também cobra uma graninha pelo trabalho deles: R$60.

Faz como mesmo?


Você manda seus documentos lá para o CVAC, junto com os comprovantes das taxas pagas. Aí eles encaminham tudo para o consulado e o consulado, por sua vez, devolve os passaportes com o visto pra você (dando tudo certo, claro).

Que documentos enviar?


O passaporte (óbvio), documentos pessoais, documentos que comprovem sua capacidade de pagar a viagem e mais um zilhão de formulários.

Aqui tem uma lista fornecida pelo VAC com os documentos a serem enviados.

Além disso, você tem que enviar todos estes documentos preenchidos (ô delícia de final de semana preenchendo isso, né?):




Os infelizes dos erros... Evite!


  1. Você tem que fazer o depósito no banco, no caixa. Pode fazer no caixa eletrônico? Não! Pode transferir pela internet? Não. Pode fazer DOC? Não!! Você tem que ir visitar a moça do caixa no Banco HSBC (só e somente só no HSBC);
  2. E se eu fizer o depósito de outro jeito que não diretamente no caixa? Se ferrou. Vai ter que refazer no caixa e torcer para os caras terem piedade de você e devolverem seu dinheiro (isso depois de abrir um processo interno lá...);
  3. Você tem que enviar um envelope pré-pago para eles devolverem seu passaporte. Acontece que os correios me informaram que esse envelope só aceita 20g ou algo assim (e como enviei meus três passaportes, meu envelope pesaria muito mais do que isso!). Como ninguém sabia me dizer como resolver isso (o atendimento do VAC é no México, e os mexicanos - acredite - sabem menos do que você sobre o procedimento), eu não mandei. O que aconteceu? Meus passaportes foram devolvidos pelo consulado para o VAC. Sabe quem pode retirar seu passaporte neste caso? Você ou alguém com uma procuração sua e seu documento de identidade ORIGINAL... Legal né?

Demora?

Não muito. Cerca de 20 a 30 dias para todo o processo. Mas a verdade é: melhor não deixar para a última hora né?

Dicas Finais

Leia, releia e leia de novo as regras do VAC. Se você achar que alguma coisa ficou confusa e não ficar muito seguro com o procedimento, faça a solicitação por alguma agência. Eles têm mais experiência e, apesar de você pagar (bem) mais caro, pode evitar esse tipo de dor de cabeça. Você pode dar uma conferida em www.vistos.com.br 

6 Response to "Visto Canadense - Como solicitar"

  1. Brancca says:
    13 de março de 2012 09:10

    Oi Lu, muito bom seu blog.
    Mas eu queria mesmo era uma informação se vc conhece alguém que foi como turista para o Canada, e lá ficou e conseguiu se legalizar, o meu desejo mesmo é isso, e também, se hoje eu conseguir um visto como turista e chegando lá com minha família e tendo um tio Canadense lá ele pode ser meu padrinhador para me tornar legal no pais e até isso acontecer no meu caso meus filhos podem estudar em um escola pública sem problemas ou teria que esperar a documentação?

    obrigada.
    Branca

  2. Luciana Godri says:
    13 de março de 2012 09:17

    Oi Branca! Não vou saber te dizer.
    O que sei é que o Canadá tem programa para imigrantes, ou seja, eles tem um tipo de seleção aqui no Brasil que permite que a pessoa vá para lá trabalhar e tenha o visto permanente, mas eu não sei exatamente como funciona, já que o meu caso mesmo é sempre turismo.

  3. Laís Says:
    21 de junho de 2012 02:27

    Olá Luciana :) Mandei o meu pedido de visto de turista para o Canada na semana passada dia 13 de junho. Gostaria de saber quanto tempo demora o processo nessa empresa antes de ir pro consulado.
    Obrigada
    Laís

  4. Luciana Godri says:
    21 de junho de 2012 16:33

    Oi Laís! Se não me engano demorou uns 15 dias. Mas você pode ligar lá com o número do protocolo para saber qual a situação.

  5. Gabriela Nunes says:
    15 de novembro de 2012 23:11

    Oi Luciana, tenho 18 anos, nao trabalho e terminei a escola ano passado, fui fazer o pedido do visto de turismo preenchi toda a papelada, peguei os holerites de minha mae ja que era ela que financiaria minha viagem e quando fui busca-lo ele veio negado :( eu sei que eu tinha pedido muito tempo e também nao tinha muito dinheiro mas para onde eu ia nao tem muitas coisas ja que é uma cidade pequena, estaria acolhida na casa de amigos que nao me pediram 1 centavo, ou seja, nao teria que pagar hotel,nem comida e tao pouco transporte publico, o agente que examinou meu pedido talvez nao tenha lido a carta-convite que me foi dada,pois na carta que ele me escreveu deu a entender que ele nao leio mesmo, porque estava escrito "...voce nao tem como se manter e nem como comprar sua passagem de volta, entao voce nao me convenceu que deixaria o canada no tempo autorizado" :( foi a maior tristeza de minha vida, eu sei que eu sou pobre mas so por isso nao tenho direito de viajar? esse dinheiro foi de muito esforço de trabalho de meus pais que quiseram me dar um presente de aniversario, fiquei muito triste depois de ter esperado tanto tempo assim pra ter o visto negado, eles também alegaram que eu nao tenho vinculo social, ta bom eu sei que nao fiz muitas coisas esse ultimo ano,mas sequer tinha a intençao de nao regressar ao meu brasil. agora tive a ideia de me inscrever num cursinho so para tranquiliza-los que tenho pendencias aqui, e realmente eu iria começar a fazer um cursinho ano que vem, voce acha que é uma boa ideia? por favor se puder me ajudar ficarei grata!

  6. Luciana Godri says:
    18 de dezembro de 2012 13:34

    Olá Gabriela,

    Desculpe a demora em lhe responder, mas mudei o endereço do blog para www.viagensdalu.com e então não tinha visto seu comentário aqui.
    Veja, se você quer viajar para o exterior para um lugar que exige visto, você não pode ser fazer de muito "humilde". O que eu quero dizer: você tem que se mostrar um pouco! Que guardou dinheiro, que tem uma vida boa aqui, que estuda, que namora, que trabalha, que quer comprar casa, carro, quer ficar aqui.
    Se você vai com um discurso de que não tem nada, passa a impressão de que está indo para lá tentar uma vida melhor.
    Como você já teve o visto negado uma vez, vai ter mais trabalho pra tentar de novo. Você precisa provar que NÃO QUER IR PRA LÁ E FICAR. Como pode fazer isso? Passe numa faculdade, comece a estudar, pense em casamento/noivado (não sei se é o caso, mas é um laço forte), trabalhe com carteira assinada, essas coisas...
    E quando preencher a carta de solicitação de novo, demonstre que você PODE, que você tem CONDIÇÕES de pagar essa viagem. De ir e voltar, etc.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...